NOTÍCIAS


Vladimir Carvalho celebra 89 anos com sessão especial no Cine Brasília


O diretor Vladimir Carvalho completou 89 anos de idade nesta quarta-feira (31/1) e foi homenageado com uma exibição no Cine Brasília. O filme O País de São Saruê, primeiro longa-metragem do cineasta, finalizou a temporada de exibição gratuita no local.

O evento contou com amigos e admiradores do diretor para a última sessão. Ele foi recebido com muitos aplausos no local e se dirigiu para a mesa com o bolo, antes da exibição, onde ouviu os parabéns dos presentes.

Em seguida, ao Metrópoles Vladimir Carvalho celebrou o momento especial. “Estou projetando, nesse cinema, o filme O País de São Saruê, que encerra a temporada hoje, celebrando meu aniversário. Esse filme foi feito na década de 1970 e está conquistando uma sobrevida com a nova versão em 4K. Estou muito feliz”, disse.

“Filme é como gente. Adoece e pode ir preso. O País de São Saruê ficou preso por 10 anos, mas felizmente escapou”

Vladimir Carvalho
0

O longa-metragem aborda a região Nordeste e trata de questões como a seca e a reforma agrária. Mesmo tendo sido gravado há quase 60 anos, o diretor acredita que o filme permanece relevante: “Muitas pessoas acham que O País de São Saruê é uma produção atual, porque o Nordeste é uma região visada pelo governo, mas ainda não superou essas questões tratadas no filme”.

O diretor também falou sobre a situação do Cine Brasília, que está chegando ao fim da licitação, e o espaço pode ser fechado por um período.

“Eu acho que o Cine Brasília é o templo do cinema brasiliense e do cinema brasileiro. Ele é a sede do festival de cinema mais importante e mais antigo do Brasil. O Estado tem que se responsabilizar e manter a qualidade desse equipamento para o seu público com filmes de qualidade. Sou contra, em princípio, que feche por um período ou vá para a iniciativa privada”, protestou o realizador.

Presente para Vladimir Carvalho

Vladimir Carvalho recebeu um presente especial e inesperado para celebrar os 89 anos de idade. Ele anunciou que seu acervo cinematográfico foi recebido pelo Instituto do Património Histórico e Artístico Nacional (Iphan) nesta quarta-feira (31/1).

“Parece que houve uma conjugação muito positiva no dia de hoje. Estou completando 89 anos, e o meu processo de estudo, busca e construção desse material da minha carreira, feito por 52 anos, foi aceito pelo Iphan. Isso sinaliza o compromisso deles com o meu acervo, que conta a história do cinema de Brasília”, concluiu.



Fonte: Metrópoles


31/01/2024 – Paraiso FM

COMPARTILHE

SEGUE A @PARAISOFM897

(35) 3531-8007

comercial@paraisofm.com.br
Avenida Zezé Amaral, 1128 – Vila Ipê.  Cep: 37950000 – São Sebastião do Paraíso – MG      WhatsApp ouvinte: (35) 99910-6677

NO AR:
- PARAISO FM