NOTÍCIAS


Vacina da dengue começará a ser aplicada em crianças a partir de março em MG


Vacina da dengue começará a ser aplicada em crianças a partir de março em MG – Foto: reprodução

O secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais, Fábio Bacheretti, afirmou nesta sexta-feira (16), que a vacina contra a dengue começará a ser aplicada em crianças de 10 e 11 anos, a partir de março.

“A expectativa é que em março recebamos vacinas suficientes para vacinar as crianças de 10 e 11 anos dos 22 municípios elegíveis aqui na região metropolitana de BH e no Vale do Aço. O estado recebendo as vacinas, elas serão repassadas imediatamente para os municípios”, garantiu.

Bacheretti ainda afirmou que a orientação é que os municípios apliquem a vacina dentro das escolas.

“A vacinação dentro da escola faz parte da nossa política. Obviamente, quem vai vacinar é o município. Nós [Governo de Minas] estamos junto com os municípios incentivando que essas crianças estarão na escola. Como é o público é de estudantes, é uma estratégia fundamental. Nossa orientação é exatamente essa”, explicou.

‘Pior ano da dengue da história de MG’

Também nesta sexta-feira (16), o secretário atualizou os números da dengue em Minas Gerais. Segundo ele, este é o pior ano da doença na história do estado.

Já são 194 mil casos prováveis e 67.592 casos confirmados. Além de 18 mortes comprovadas e outras 105 em investigação.

“Nunca vivenciamos uma inclinação tão forte de dengue na nossa história, e vamos ultrapassar o maior pico de dengue. Não temos dúvida que será o pior ano da dengue da nossa história. Em Belo Horizonte, devemos ter agora o maior pico de pacientes”, disse Fábio Bacheretti.

Segundo o último boletim epidemiológico divulgado pela Prefeitura de Belo Horizonte, na quarta-feira (14), a cidade já soma 3.101 casos e cinco óbitos confirmados desde o início de 2024. Os casos prováveis chegam a 15.331.

De acordo com o secretário de estado de Saúde, estamos no pior pico da doença na capital.

“Este é o momento mais crítico da região de Belo Horizonte em número de atendimentos. Nós devemos estar vivendo o maior volume de pacientes durante este ano epidêmico. A experiência diz que isso vai durar algumas semanas, mas esse pico de atendimento tende a começar a diminuir já em meados de março”, afirmou Bacheretti .



Fonte: Jornal Folha Regional


16/02/2024 – Paraiso FM

COMPARTILHE

SEGUE A @PARAISOFM897

(35) 3531-8007

[email protected]
Avenida Zezé Amaral, 1128 – Vila Ipê.  Cep: 37950000 – São Sebastião do Paraíso – MG      WhatsApp ouvinte: (35) 99910-6677

NO AR:
- PARAISO FM