NOTÍCIAS


Praia Grande: prefeitura mantém interditado prédio evacuado às pressas


São Paulo  – O prédio residencial de 19 andares que foi evacuado às pressas pela Defesa Civil de Praia Grande, na Baixada Santista, ficará interditado pela prefeitura da cidade até que a construtora responsável pelo edifício apresente documentos que atestem a segurança da estrutura.

Funcionários da Secretaria de Urbanismo, técnicos da Defesa Civil e agentes do Corpo de Bombeiros estiveram no prédio, que tem 133 apartamentos, após os moradores serem evacuados.

0

A análise preliminar indicou que não há risco de desabamento iminente do edifício, porém a prefeitura requereu uma série de documentos à construtora responsável antes de liberar os moradores a voltar para casa.

“O condomínio já foi notificado pela Prefeitura para apresentar a documentação. A partir desta etapa o material será analisado pela Secretaria de Urbanismo e Defesa Civil da Cidade”, disse a Prefeitura de Praia Grande, por nota.

O Residencial Giovannina Sarane Galavotti foi entregue em 2011 e foi erguido pela Construtora JR. O Metrópoles tenta contato com a empresa. O espaço segue aberto a manifestações.

“Como primeiras medidas adotadas, ocorreu o escoramento dos pavimentos onde houve o sinistro das pilastras no subsolo, térreo, G1 e G2”, informou a prefeitura. Os dois pavimentos de estacionamento ficam acima do nível do solo.

No começo da noite, moradores puderam entrar de forma gradual no edifício, sob supervisão da Defesa Civil, para a retirada de documentos, alguns bens e pets. As caixas d’água do edifício foram esvaziadas para reduzir a pressão das pilastras danificadas.



Fonte: Metrópoles


13/02/2024 – Paraiso FM

COMPARTILHE

SEGUE A @PARAISOFM897

(35) 3531-8007

[email protected]
Avenida Zezé Amaral, 1128 – Vila Ipê.  Cep: 37950000 – São Sebastião do Paraíso – MG      WhatsApp ouvinte: (35) 99910-6677

NO AR:
AO VIVO - PARAISO FM