NOTÍCIAS


Ex-BBB André Gabeh publica carta aberta criticando Claudia Leitte


É fogo no parquinho! O ex-BBB André Gabeh desceu a lenha em Claudia Leitte nesta quinta-feira (14/2). O roteirista publicou uma carta aberta em suas redes sociais criticando a cantora, que é cristã e canta axé, que é uma palavra usada nas religiões de matrizes africanas, que significa a força sagrada de cada orixá, antes de ser um segmento musical. “Que desapareça do mundo secular e ressurja em glória longe dos ouvidos mundanos”, escreveu.

“Que raiva, meu Deus! Que raiva! Claudia Leite, acredito que você esteja cercada de pessoas que a todo momento te falam:d, lacrou, maravilhosa, hitou… mas eu preciso te contar um negócio muito sério, coisa pontual: você é cantora de um gênero chamado axé music; Não é Canção Nova music, não é Zaqueu music, não é louva music…é axé music. Sabe o que é Axé, fia?”, continuou.

Gabeh seguiu reforçando sua opinião: “Respeite isso. Você comprou suas casas, hidratou seus cabelos, pagou a escola de seus filhos, fez capas de discos com blackface, lançou sucessos questionáveis com letras lactobacílicas e próbioticas… tudo isso graças a sua carreira construída sobre os pilares de um estilo musical chamado axé music.

Segundo André, sua revolta começou após Leitte desmerecer uma divindade do mar. “Você faz sucesso se fingindo de baiana, se fingindo de cantora, se fingindo de afro-loira graças ao axé music. Organizou isso na sua mente? Então vigia, varoa. Vigia muito atentamente e pare de fazer a pêssega ungida. Você e seus fãs, que apoiam a sua palhaçada de trocar Yemanjá por ‘só louvo meu rei Yeshuá’, precisam tomar vergonha em suas caras lactósicas, precisam se dar o respeito”, frisou.

0

André Gabeh finalizou lembrando que decidiu retrucar a declaração por ser seu lugar de fala. “Preciso me manifestar pela decência de ser um homem preto e macumbeiro que vive de falar sobre minha ancestralidade, porque além de todo cinismo fundamentalista, Dona Cláudia Leite tem que entender que quando ela muda uma letra, ela desrespeita a própria arte, desrespeita o compositor e sua inspiração. Isso é arrogante e egocêntrico. Que desapareça do mundo secular e ressurja em glória longe dos ouvidos mundanos”, concluiu.

Para ler o texto completo, clique aqui!

 



Fonte: Metrópoles


15/02/2024 – Paraiso FM

COMPARTILHE

SEGUE A @PARAISOFM897

(35) 3531-8007

[email protected]
Avenida Zezé Amaral, 1128 – Vila Ipê.  Cep: 37950000 – São Sebastião do Paraíso – MG      WhatsApp ouvinte: (35) 99910-6677

NO AR:
- PARAISO FM