NOTÍCIAS


Dengue faz ao menos 4 estados e o DF decretarem emergência


Ao menos cinco estado decretaram situação de emergência em razão do aumento de casos de dengue. Acre, Distrito Federal, Goiás, Minas Gerais, algumas cidades de Mato Grosso do Sul e, agora, a capital carioca estão com números crescentes da doença.

Só estado do Rio foram registrados mais de 17 mil casos neste mês de janeiro, cerca de 12 vezes a maior que o registrado no início do ano passado, com 1.441.

0

O decreto para o estado de emergência na capital carioca foi publicado no Diário Oficial do município desta segunda-feira (5/2). Na última sexta (2/2), o secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, afirmou que o Rio já vivia uma epidemia de dengue, com mais de 11 mil casos da doença confirmados.

Também no Diário Oficial desta segunda, a prefeitura anunciou R$ 2 milhões para a compra de testes rápidos. O município autorizou a abertura da licitação, que será por um pregão eletrônico. Quem levará será a empresa que oferecer o menor preço.

Polos de atendimento contra dengue

Também nesta segunda, a prefeitura do Rio inaugura 2 de 10 polos de atendimento a pacientes com a virose. A primeira unidade ficará em Curicica, na Clínica da Família Raphael de Paula Souza. Além disso, serão 150 centros de tratamento e hidratação.

A cidade apresentou um plano de contingência para assistência da população e combate ao Aedes aegypti, o mosquito transmissor da dengue, da zika e da chikungunya.

Entre as medidas estão:

  • a criação do Centro de Operações de Emergência;
  • a abertura de dez polos de atendimento para a doença distribuídos por todo o município;
  • a dedicação de leitos exclusivos a pacientes com dengue nos hospitais da rede municipal;
  • o uso de carros fumacê nas regiões com maior incidência de casos e,
  • a entrada compulsória em imóveis fechados e abandonados.

Morte de adolescente em Goiás

Em Goiás, que também decretou situação de emergência, uma adolescente de 16 anos morreu com a doença, em Uruaçu, no norte do estado. Segundo o Hospital Estadual do Centro-Norte Goiano (HCN), Fernanda Ferreira Martins teve um quadro grave da doença associado à diabetes.

Fernanda morreu nesse sábado (3/2). Em nota, o HCN lamentou “profundamente” a morte da adolescente e se solidarizou com a família. Além disso, disse estar disponível para colaborar com informações sobre o caso.



Fonte: Metrópoles


05/02/2024 – Paraiso FM

COMPARTILHE

SEGUE A @PARAISOFM897

(35) 3531-8007

comercial@paraisofm.com.br
Avenida Zezé Amaral, 1128 – Vila Ipê.  Cep: 37950000 – São Sebastião do Paraíso – MG      WhatsApp ouvinte: (35) 99910-6677

NO AR:
AO VIVO - PARAISO FM