NOTÍCIAS


Confira dicas para se preparar para o “Enem dos Concursos”


A partir de agora, a reta de preparação para as provas do Concurso Público Nacional Unificado (CPNU), o chamado “Enem dos Concursos”, está a todo o vapor. Milhares de pessoas disputam uma das 6.640 vagas, distribuídas em cargos no governo federal.

No total, o Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI) contabilizou 2,65 milhões de inscritos. Com esse número, o CPNU tornou-se o maior concurso da história do país em número de cadastros.

No entanto, a trajetória para se tornar um servidor público precisa de dedicação e comprometimento nos estudos. Para ajudar os concurseiros neste certame inédito, o Metrópoles conversou com especialistas para separar as melhores dicas de preparação até a reta final. A  prova será aplicada em menos de três meses.

0

Dicas para o CPNU

Para Erick Alves, professor e sócio-fundador do Direção Concursos, os candidatos devem focar em estabelecer um cronograma de estudos em que serão capazes de segui-lo até as vésperas dos exames.

O professor explica que existem diversas maneiras de criar uma rotina de estudos, seja optando por ter horas de estudo seguidas, seja fragmentadas durante o dia. O importante é separar um tempo dedicado exclusivamente para a preparação.

Ele elenca as seguintes dicas:

— Ensino superior e técnico:

  • Priorizar o estudo dos conhecimentos gerais e dos eixos temáticos que têm maior peso na prova, no bloco escolhido
  • Não deixar de lado possíveis questões discursivas

— Ensino médio

  • Tentar completar o estudo de todo o conteúdo programático do edital, uma vez que há menos matérias cobradas
  • Estudar um pouco de cada conteúdo por dia (não diferenciar cada matéria), assim, depois de algumas semanas, será possível apenas focar na revisão
  • Treinar a redação

Eduardo Cambuy, professor do Gran Cursos e especialista em aprendizagem, destaca que os candidatos precisam “ficar de olho” nos eixos temáticos do Enem dos Concursos, que reúnem conteúdos.

Segundo ele, nesses três meses, é importante estar atento à gestão de tempo destinado aos estudos. “Ter materiais bons para otimizar o tempo e, se tiver condições, contar com orientação profissional”, indica.

Cambuy ressalta que é importante fazer uma relação com a ordem de preferência dos cargos de maior interesse dentro do bloco, em caso de aprovação no Concurso Unificado.

Veja as dicas do professor:

— Geral

  • Comece os estudos pelos eixos que podem ajudar a garantir mais pontos na prova
  • Dar importância para o próprio tempo. Analise sua rotina
  • Classifique os conteúdos com níveis de “urgência”, entre outros

— Ensino médio:

  • Estar atento aos requisitos do cargo
  • Pensar na concorrência versus a distribuição de vagas
  • Observar a distribuição de vagas: nacional, locação indicada e setorial

O “Enem dos Concursos”

Pensado para “promover igualdade de oportunidades de acesso aos cargos públicos efetivos”, o Concurso Unificado estabelece uma novidade: a distribuição de vagas divididas em oito blocos temáticos, que reúne carreiras semelhantes entre si.

Todas as 6.640 vagas são destinadas para ensino médio, técnico e superior, distribuídas em 21 órgãos federais. Entre esses novos postos para o governo federal a remuneração inicial dos novos servidores pode ultrapassar os R$ 22,5 mil.

De acordo com o cronograma do MGI, as provas serão aplicadas em 5 de maio, em 220 cidades, de forma simultânea, em todos os estados e no Distrito Federal.

window._taboola = window._taboola || []; _taboola.push({ mode: “rec-reel-2n5-a”, container: “taboola-mid-article-reco-reel”, placement: “Mid Article Reco Reel”, target_type: “mix” });

Confira os blocos temáticos do Enem dos Concursos:

  • Bloco 1 – Administração e Finanças Públicas (727 vagas)
  • Bloco 2 – Setores Econômicos, Infraestrutura e Regulação (597 vagas)
  • Bloco 3 – Agricultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento Agrário (530 vagas)
  • Bloco 4 – Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação (971 vagas)
  • Bloco 5 – Políticas Sociais, Justiça e Saúde (1.016 vagas)
  • Bloco 6 – Trabalho e Previdência (359 vagas)
  • Bloco 7 – Dados, Tecnologia e Informação (1.748 vagas)
  • Bloco 8 – Nível Intermediário (692 vagas)

O cronograma do CPNU:

  • Divulgação dos dados finais de inscrições: 29 de fevereiro
  • Divulgação dos cartões de confirmação: 29 de abril
  • Aplicação das provas: 5 de maio
  • Divulgação dos resultados das provas objetivas e preliminares das provas discursivas e redação: 3 de junho
  • Divulgação final dos resultados: 30 de julho
  • Início da convocação para posse e cursos de formação: 5 de agosto



Fonte: Metrópoles


14/02/2024 – Paraiso FM

COMPARTILHE

SEGUE A @PARAISOFM897

(35) 3531-8007

[email protected]
Avenida Zezé Amaral, 1128 – Vila Ipê.  Cep: 37950000 – São Sebastião do Paraíso – MG      WhatsApp ouvinte: (35) 99910-6677

NO AR:
- PARAISO FM